Rádio Web MJ

quarta-feira, 28 de outubro de 2015

Apresentação de peça teatral nas escolas marca o encerramento Projeto lixo no lixo, nossa cidade no capricho!

O “Projeto Lixo no Lixo, Nossa Cidade no Capricho”! desenvolvido em todas as 22 escolas da Rede Municipal de Ensino de Campo Alegre, encontra-se em fase de encerramento, onde está sendo realizada uma grande ação de conclusão das atividades com a apresentação da peça teatral a Consciência começa em casa, realizada pelos jovens do Grupo Contadores de Histórias, dirigida pelo Professor Antônio Máximo Barbosa. As apresentações estão acontecendo desde o dia 26 de outubro e vai até o dia 25 de novembro, nos turnos matutino e vespertino.

A produção artística que traz mais uma vez para o espaço escolar do município o debate da importância dos temas do Projeto Lixo no Lixo, Nossa Cidade no Capricho! dessa vez através de uma comédia cheia de informações e divertidas análises das temáticas em tela.

As ações do Projeto foram desenvolvidas através de palestras, mobilização e orientação da comunidade escolar para reduzir o consumo de materiais e por fim a implantação da coleta seletiva nas escolas que possibilitará o reaproveitamento de alguns  materiais coletados e a doação dos materiais reciclados industrialmente para cooperativa de catadores do município, sob a coordenação da Professora Maria Antônia Teixeira, em parceria com a Secretaria Municipal do Meio Ambiente, através do seu secretário Leonardo Monteiro e com a colaboração da Professora de Ciências, Cássia Maria Santos da  Escola Monsenhor Hildebrando Veríssimo Guimarães.

Vale lembrar que, a Secretaria Municipal de Educação - SEMED sob a coordenação da Gerência de Práticas Pedagógicas desenvolveu desde o mês de abril, em todas as escolas da Rede Municipal de Educação o “Projeto Lixo no Lixo Nossa Cidade no Capricho”, e que o mesmo objetivava sensibilizar a comunidade educacional campo-alegrense sobre a gravidade da produção de lixo pelos seres humanos através de ações educativas que visavam estimular:

- reaproveitamento dos materiais recicláveis, possibilitando a redução dos resíduos sólidos e a, correta destinação destes em nosso município;
- a prática da coleta seletiva.


Nenhum comentário: