Rádio Web MJ

sábado, 16 de abril de 2016

SEMED apresenta a nova versão do “diário digital automatizado - DDA” para o ano letivo de 2016

A Secretaria Municipal de Educação de Campo Alegre - SEMED, apresentou no último dia 06 de abril, a nova versão do “Diário Digital Automatizado - DDA” às escolas da Rede Municipal De Ensino para o ano letivo de 2016.

Idealizado pelos professores Leandro Neto Madeiro e Marcos Fernando Cavalcante em 2015, o DDA é uma ferramenta tecnológica em arquivo Excel que facilitou o trabalho de professores (as), coordenadores (as) e secretários (as) escolares nos trabalhos relacionados as informações como, registros de frequências, conteúdos e notas dos educandos, vindo também a sanar problemas tipo, rasuras, erros de cálculos, indisponibilidade do documento pra análise da coordenação pedagógica ou da secretaria escolar, entre outros.

Para o ano letivo de 2016 a SEMED instituiu uma Comissão com representatividade de diversos seguimentos da educação para avaliar a operacionalização do DDA utilizado em 2015, visando otimizar a tecnologia nele constante para oferecer aos professores(as) um mecanismo eficaz que o auxilie nos registros das informações da vida escolar dos educandos. Após o processo de avaliação, análise técnica e, consequentemente, de modernização, o DDA ganha mais interatividade e praticidade com as novas ferramentas implantadas na nova versão, como por exemplo, Parecer Descritivo e Fichas Avaliativas serão elaborados no próprio Aplicativo.

Como DDA os registros relativos a cada componente curricular, ano, turma, turno, escola, frequência, notas..., serão computados e atualizados diária e automaticamente, a partir da alimentação de dados elementares oriundos de cada turma, no computador onde estiver instalado, gravando informações relativas ao universo em que foi inserido, onde a informação será, real, atual, ágil, compartilhada e protegida. Sendo também possível a consulta das informações via Dropbox, a partir de dispositivos móveis como, Smartphones, Tablets, Computadores portáteis, entre outros. Além disso, as escolas poderão usar o Dropbox para tornar o DDA online e assim ter, em tempo real, todas as informações desejadas.

Nenhum comentário: