Rádio Web MJ

quarta-feira, 13 de abril de 2016

Prefeitura e Governo do Estado lançaram o Programa Barriga Cheia pelo segundo ano em Campo Alegre

O programa é resultado de uma parceria entre Prefeitura, Governo do estado e usinas da região

Visando promover a produção de alimento e a Geração de renda para os pequenos produtores, o Programa Barriga Cheia foi lançado nesta quarta-feira 13 de Abril no município de Campo Alegre. O programa é resultado de uma parceria entre Prefeitura de Campo Alegre, Governo do Estado de Alagoas e as Usinas Sinimbu e Porto Rico, proporcionou o lançamento do Programa que beneficiará centenas de famílias no município.

O evento de lançamento aconteceu na região da Fazenda Peri Peri de propriedade da Usina Cansanção de Sinimbu, na zona Rural de Campo Alegre, onde produtores e autoridades prestigiaram o lançamento do programa.

Durante o lançamento o secretário de estado Álvaro Vasconcelos fez questão de destacar que Campo Alegre foi escolhido para ser o primeiro município de Alagoas a receber as sementes do programa de Sementes da SEAGRI neste ano. “Aqui as coisas são sempre feitas com muita seriedade e os resultados são os melhores possíveis, temos certeza que o resultado de mais uma edição do programa em Campo Alegre será bastante satisfatório”, disse Vasconcelos.

A deputada estadual Jó Pereira, falou da importância do programa de distribuição de sementes para os pequenos agricultores da região e desejou um bom plantio para todos, “Que Deus abençoe e mande muita chuva nesse período, e que em meados de agosto estejamos novamente aqui comemorando a colheita com uma grande feijoada”, disse a deputada.

“Isso aproxima o Governo de uma das áreas que serve de alicerce para economia alagoana, que é a agricultura. E hoje, especialmente, estamos aqui em Campo Alegre entregando a semente que vai possibilitar o alimento para essas famílias e fazer girar a economia do município", acrescentou a deputada.

O secretário municipal de agricultura Geeds Araújo falou da importância da parceria para a diversificação da produtividade no município, sem descartar a importância da cana-de-açúcar para a região.

O superintendente da Usina Sinimbu Fábio Brito, elogiou a iniciativa do Governo do Estado em buscar parcerias com a iniciativa privada. “Essa ação traz resultados muito positivos para os trabalhadores rurais e para a empresa, que renova suas terras para o plantio da cana e ajuda a fortalecer a economia de toda a região. Estamos à disposição do Governo do Estado para outras parcerias nesse sentido”, afirmou Brito.

A prefeitura de Campo Alegre vem fazendo um trabalho de acompanhamento aos produtores desde a preparação da terra até a colheita, onde o governo municipal disponibiliza as máquinas para ajudar na produção.

De acordo com dados da Secretaria Municipal de Agricultura de Campo Alegre, nessa segunda edição do programa no município em Luziápolis foram disponibilizadas 496 tarefas cedidas pela Usina Sinimbu, e nas imediações da cidade foram disponibilizadas 546 tarefas pela Usina Porto Rico, totalizando 1.045 tarefas com potencial para contemplar mais de 500 famílias.

A iniciativa garante às famílias de baixa renda, previamente cadastradas pela Secretaria Municipal de Agricultura, o direito ao plantio de feijão de corda em áreas cedidas pela iniciativa privada durante o período que antecede o plantio da cana.

Participaram do lançamento do programa o vice-prefeito James Matias, o secretário de Estado da Agricultura, Pesca e Aquicultura Álvaro Vasconcelos, a deputada estadual Jó Pereira, o prefeito de Teotônio Vilela Peu Pereira, representantes das duas Usinas: Daniel Tenório – Usina Porto Rico, Fábio Brito – Usina Sinimbu, representantes do Sindicado dos Trabalhadores Rurais de Campo Alegre, secretários municipais e vereadores.




Nenhum comentário: