Rádio Web MJ

segunda-feira, 23 de março de 2015

Secretaria de Saúde realizou Formação do Núcleo de Combate ao Tabagismo no Município de Campo Alegre

O Programa de Controle do Tabagismo que visa à prevenção na população através de ações que estimulem a adoção de comportamentos e estilos de vida saudáveis e que contribuam para a redução da incidência e mortalidade por câncer e doenças tabaco-relacionadas no país. As ações do Programa são desenvolvidas em parceria pelas três instâncias governamentais- Federal, Estadual e Municipal para capacitar e apoiar os municípios e abrangem as áreas da educação, legislação e economia.

Hoje no Brasil o tratamento do tabagismo está vinculado ao Sistema Único de Saúde (SUS) e é regulado pela Portaria do Ministério da Saúde nº 571 publicada em 05 de abril de 2013 (Portaria nº 571/2013).

A Convenção-Quadro para o Controle do Tabaco determina, em seu artigo 14, que os países criem programas eficazes de promoção do abandono do consumo do tabaco em unidades de saúde, locais de trabalho, dentre outros, e que incluam o tratamento da dependência do tabaco e serviços de aconselhamento em seus planos nacionais de saúde e educação.

A Secretaria Municipal de Saúde realizou na última sexta feira dia 20 de Março uma capacitação para as equipes de Saúde Básica “Médicos, Enfermeiros, Dentistas e Diretores das Unidades”, pois irá implantar o tratamento em todas as Unidades Básicas baseado em orientações do Ministério da Saúde.

A capacitação foi ministrada pelos Coordenadores de Atenção Básica e Promoção da Saúde George Leite e Nataly Santos.

O Núcleo será formado em todas as unidades, com grupos de 15 pessoas inicialmente com as pessoas que já estavam na lista de espera pelo tratamento. Realizado em três etapas: 1ª avaliação multiprofissional, 2ª Reuniões do grupo e 3ª grupo controle.

A coordenadora Nataly Santos ressalta sobre o papel do profissional de saúde e da equipe multiprofissional na execução desse núcleo de tratamento, pois tem um olhar mais abrangente, importante para motivar os usuários tabagistas a deixarem de fumar e reduzir a prevalência de fumantes e os índices de morbimortalidade relacionadas ao consumo de derivados de tabaco, melhorar a saúde física, mental, bucal e social das pessoas envolvidas.

Durante a capacitação dois convidados a Diretora da Escola Hidelbrando Guimarães Maria do Socorro e o médico cirurgião Marcelo Peixoto deram seus depoimentos como ex-tabagistas em uma forma de incentivo e superação. Esse momento foi de grande importância para o fortalecimento do programa.



Nenhum comentário: