Rádio Web MJ

quinta-feira, 28 de julho de 2016

Após reajuste Programa Bolsa Família passa a injetar mais de um milhão na economia de Campo Alegre

A economia do município de Campo Alegre receberá a partir deste mês uma injeção mensal de mais de Um Milhão de Reais, recursos oriundos do Programa Bolsa Família, beneficiando 7.044 famílias campo-alegrenses conforme informação da Secretaria Municipal de Assistência Social e Direito a Cidadania do município. O programa teve os valores reajustados recentemente. Antes do reajuste o município recebia pouco mais de 880 mil reais.

O programa de transferência de renda, do governo federal, por intermédio do Ministério do Desenvolvimento Social, tem como finalidade dar um amparo a famílias de baixa renda, visando contribuir com a despesa familiar mensal. O programa é gerenciado pelo município.

O comércio local mensalmente recebe um grande aquecimento com esses recursos que circulam na cidade, principalmente em um momento de crise econômica com forte retração da economia. 

Bolsa Família é um programa de transferência direta de renda do Governo Federal, direcionado às famílias em situação de pobreza e de extrema pobreza em todo o País, de modo que consigam superar a situação de vulnerabilidade e pobreza.

Perfil do Bolsa Família

Conforme disponibiliza o site do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS), “o Programa Bolsa Família atende às famílias que vivem em situação de pobreza e de extrema pobreza. Foi utilizado um limite de renda para definir esses dois patamares. Assim, podem fazer parte do Programa:

–Todas as famílias com renda por pessoa de até R$ 85 mensais;
–Famílias com renda por pessoa entre R$ 85 e R$ 170 mensais, desde que tenham, em sua composição crianças ou adolescentes até 17 anos.

A seleção das famílias é feita por um sistema informatizado, a partir dos dados que elas informaram no Cadastro Único e das regras do programa. As famílias selecionadas recebem um cartão de saque, o Cartão Bolsa Família, emitido pela Caixa Econômica Federal (Caixa) e enviado para a casa delas pelos Correios. Junto com o cartão, a família recebe um panfleto com explicações sobre como ativá-lo, o calendário de saques do Bolsa Família e outras informações”.

Nenhum comentário: