Rádio Web MJ

quarta-feira, 8 de junho de 2016

Campos Alegre é destaque na Mostra Brasil Aqui tem SUS

O projeto Odontologia Domiciliar para usuários do Sistema Único de Saúde, do município de Campo Alegre, em Alagoas, foi o primeiro colocado na região Nordeste na 13ª Mostra Brasil Aqui Tem SUS, cuja premiação se deu no último sábado, encerramento do XXXII Congresso Nacional de Secretarias Municipais de Saúde, em Fortaleza, Ceará.

O odontólogo Franklin Regazzone Pereira Lopes concorreu com mais de 300 trabalhos de todo o país nesta edição da Mostra, promovida pelo Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems).

Especialista em Saúde Pública; e Gestão em Saúde, Franklin Regazzone se destacou com a iniciativa inovadora e recebeu, com seu trabalho, a maior  pontuação do Nordeste, ficando à frente do Ceará, Paraíba e Piauí e também divide a 1ª colocação com as regiões Sul e Sudeste. O trabalho de Campo Alegre foi apresentado no Congresso de Fortaleza com outros igualmente relevantes dos municípios de Arapiraca, Craíbas, Messias, Girau do Ponciano e Poço das Trincheiras.

Regazzone diz que ingressou no município em 2014 pelo programa ministerial de Valorização à Atenção Básica (Provab) e que, após um ano, fim do prazo no projeto financiado pelo MS, o município percebeu o interesse dele em atuar na área de atenção domiciliar.

Como estava sendo implantado o programa Melhor em Casa, (sistema de tratamento médico hospitalar e domiciliar para pessoas com necessidade de reabilitação motora; pacientes crônicos sem agravamento ou em situação pós-cirúrgica e acamados), o Odontologia Domiciliar surgiu com o intuito de ser incorporado ao Melhor em Casa.

De acordo com ele, o atendimento ao paciente em situação de risco, por meio da odontologia domiciliar, já existe no Sul e Sudeste, mas que teria pesquisado em outros Estados do Nordeste e constatado que nenhum deles implantou ainda o projeto. O odontólogo explicou que vai até o quarto do paciente com o equipo portátil para atendê-lo.

“Tudo o que tenho no consultório normal tenho nele. Faço todo procedimento menos o canal, a exemplo de restaurações, extrações, periodontia (limpeza) e reabilitação protética”, enfatizou o dentista, único a trabalhar neste projeto no município.

“São beneficiados os pacientes que não conseguem se locomover até a unidade básica mais próxima de sua casa”, reforçou Regazzone.  “Sempre quis trabalhar com os mais necessitados e já pensava em atuar na área domiciliar. Isso se intensificou quando pessoas me procuravam dizendo que tinham parentes acamados e não sabiam o que fazer para levá-los ao dentista”, destacou.

A vice-presidente do Conselho de Secretarias Municipais de Saúde de Alagoas (Cosems) e secretária de Saúde de Pão de Açúcar, Normanda Santiago, afirmou que para a entidade o resultado da Mostra significa o reconhecimento aos municípios alagoanos por terem seis trabalhos expostos em um momento em que todos passam por dificuldades financeiras.

A coordenadora da Assessoria Técnica do Cosems/AL, Sylvana Medeiros, representou o agraciado Kranklin Regazzone no ato da premiação, no encerramento do Congresso de Secretários de Saúde.

“A premiação é importante não só para Alagoas, mas extremamente gratificante para o município de Campo Alegre, no caso, cujo trabalho inovador revela a integração dos serviços da Atenção Básica e mostra que o projeto pode dar acesso ao usuário acamado e debilitado que não pode se locomover até uma unidade de saúde ou hospital. Trata-se ainda do reconhecimento do direito dele de ser tratado como cidadão”, reforçou Sylvana.

Nenhum comentário: