Rádio Web MJ

domingo, 9 de novembro de 2014

Secretaria de Saúde realizou oficina para implantação da Estratégia Amamenta e Alimenta Brasil

As práticas alimentares inadequadas nos primeiros anos de vida estão intimamente relacionadas à morbimortalidade de crianças, representada por doenças infecciosas, afecções respiratórias, cárie dental, desnutrição, excesso de peso e carências específicas de micronutrientes como de ferro, zinco e vitamina A.

Atualmente, no Brasil, 50% das crianças menores de dois anos apresentam anemia por deficiência de ferro e 20% apresentam hipovitaminose A, problemas decorrentes da alimentação inadequada. Estima-se que ações de promoção aleitamento materno e ações de promoção da alimentação complementar sejam capazes de diminuir, respectivamente, em até 13%e 6%, a ocorrência de mortes em crianças menores de 5 anos em todo o mundo.

A Estratégia Nacional para promoção do Aleitamento Materno e Alimentação Complementar Saudável no Sistema Único de Saúde- Amamenta e Alimenta Brasil visa à qualificação do processo de trabalho dos profissionais da Atenção Básica com o intuito de fortalecer as ações de promoção, proteção e apoio à alimentação saudável para crianças menores de dois anos.

Considerando a importância dessa Estratégia, a Secretaria de Saúde de Campo Alegre deu início a sua implantação no município, através do desenvolvimento de oficinas para os profissionais de saúde, que tiveram como facilitadoras a Enfermeira Julliana Montenegro, Nutricionista Mércia Tavares e Enfermeira Micheline Guimarães. Foram capacitados até o momento 50 profissionais de saúde que darão continuidade às ações sistemáticas individuais ou coletivas para a promoção do aleitamento materno e alimentação complementa nas Unidades Básicas de Saúde.


Nenhum comentário: