Rádio Web MJ

quinta-feira, 8 de setembro de 2016

Programa Juventude Empreendedora iniciou suas atividades em Campo Alegre

Na segunda-feira dia 29 de agosto, em mais uma iniciativa da parceria entre o Governo Municipal de Campo Alegre e o Governo do Estado de Alagoas, por meio da Secretaria Estadual do Trabalho, Programa Juventude Empreendedora iniciou suas atividades, no telecentro da Escola Municipal Professora Zenóbia Ferreira da Silva, onde o curso, com duração de três meses em média, se dará como oferta de oportunidade e orientação empreendedora aos jovens campo-alegrenses.

O município de Campo Alegre conta com 100 cursistas inscritos, distribuídos em cinco turmas de 20 alunos, nos seguintes horários: duas turmas no horário matutino, uma no turno vespertino e duas outras turmas no horário noturno. O Programa atende à jovens da Fazenda São José / Usina Porto Rico, Povoado Chã da Imbira, Fazenda Mineiro, Povoado Belo Horizonte, Conjunto Habitacional Olival Tenório e Distrito Luziápolis.

Em Campo Alegre, as ações do Juventude Empreendedora estão sob a responsabilidade da Secretaria Municipal de Educação e a Secretaria Municipal de Indústria, Comércio e Ensino Profissionalizante. As aulas são direcionadas pelos monitores Abelardo Vicente Neto e Wellington Santos, que foram instruídos em formação específica para monitores do Programa, realizada nos dias 22 e 23 de Agosto, em Maceió.

O Programa

O programa visa dar oportunidade ao jovem de se tornar dono do próprio negócio, ampliando as condições de crescimento na renda e na realização pessoal.

Serão selecionados cinco mil jovens entre 18 e 29 anos, em mais de 50 municípios alagoanos, que receberão capacitação de 160 horas em empreendedorismo. Para participar, o candidato deve ter o ensino médio completo.

Após a fase de seleção, os jovens vão participar de uma capacitação e qualificação em empreendedorismo. Em seguida, eles deverão apresentar um plano de negócio de acordo com a realidade de cada um. 10% desses planos de negócios serão escolhidos por uma comissão nomeada pela Secretaria do Trabalho.

Cerca de 500 projetos mais viáveis estarão recebendo assistência técnica através do Sebrae Empreendedor Individual (SEI) e vão receber  por parte da Desenvolve - Agencia de Fomento do Estado - um aporte financeiro a partir de R$ 800 até R$ 15 mil reais, que seja necessário para o negócio.



Nenhum comentário: