Rádio Web MJ

segunda-feira, 2 de dezembro de 2013

Prefeitura de Campo Alegre decreta luto por três dias em homenagem ao ex-prefeito José Virgínio da Silva


A prefeita de Campo Alegre, Pauline Pereira decretou nesta segunda-feira (02) luto oficial de três dias com hasteamento de pavilhão à meio mastro, em razão do falecimento, do ex-prefeito José Virgínio da Silva. O ex-prefeito faleceu na tarde desta segunda-feira na Santa Casa de Misericórdia em São Miguel dos Campos.
O sepultamento do ex-prefeito acontecerá nesta terça-feira 03 de Dezembro, às 16 horas no cemitério Municipal de Campo Alegre. O corpo será velado no plenário da Câmara Municipal de Vereadores.

Quem foi José Virgínio da Silva

José Virgínio da Silva Eleito vereador por São Miguel dos Campos em 1954 como único representante da Vila de Mosquito, que na ocasião obteve 82 votos num total de 90 eleitores, todos residentes na vila, e sendo reeleito em 1968. Foi o primeiro prefeito eleito do município de Campo Alegre em 1960 (1960 a 1965 – 1º mandato). Com a nova administração (1974 a 1977) foram feitas várias obras para o melhoramento da condição de vida da população como, saneamento básico, o mercado público, abastecimento de água (22/03/74) e a sede do poder Executivo e Legislativo. Na economia não houve muitos progressos, contudo, pois a agricultura arcava ainda não permitia uma grande produção que resultaria em grande comércio de cereais e de algodão. Nesta administração foi assinado o alvará de instalação da Usina Porto Rico. Com a instalação da indústria, no município as propriedades pertencentes a pequenos agricultores foram sendo vendidas a fornecedores que vinham de outros lugares do Estado, como também foram compradas pela própria indústria açucareira. Neste momento, o desenvolvimento do município de Campo Alegre estaria atrelado ao cultivo predominante da cana-de-açúcar. O prefeito José Virgínio da Silva foi responsável pela instalação da estátua do Padre Cícero Romão Batista, na praça central, em 20/07/1976.

Nenhum comentário: