Rádio Web MJ

domingo, 7 de agosto de 2016

Soja produzida em Campo Alegre é destaque no programa Globo Rural

A cana-de-açúcar começa a dividir espaço com outras culturas

A edição do programa Globo Rural que foi ao ar neste domingo 07 de agosto, apresentou uma reportagem que destaca o município de Campo Alegre, interior de Alagoas, onde mostrou que a cana de açúcar começa a dividir espaço com outras culturas, a exemplo da plantação e comercialização da soja. A diversificação que com certeza é a solução para enfrentar a crise do setor canavieiro e impulsionar o desenvolvimento socieconômico da região.

A cana ocupa uma área de mais de 320 mil hectares no Agreste, na Zona da Mata e nas regiões de Tabuleiro, do litoral de Alagoas, mas a crise na produção de açúcar e álcool provocou o fechamento de cinco, das 24 usinas do estado. Por isso, a área plantada começa a encolher e a dar lugar a outros cultivos.

Não é que a cana tenha deixado de ser viável para os produtores, mas há uma mudança de comportamento: uma aposta no fim da monocultura. Tem gente plantando eucalipto, outros agricultores apostando no milho e até na soja, em áreas onde antes só se via cana.

Everaldo Tenório é produtor de cana em Campo Alegre (AL) e de soja em Redenção (PA). No ano passado, não teve mais dúvida e passou a cultivar soja.

As 120 toneladas colhidas na área experimental de 50 hectares foram exportadas para a Rússia. "Isso é uma alternativa fantástica", avaliou Everaldo Tenório.

O período de safra da soja em Alagoas também é fator determinante para o sucesso dos empresários que optarem por essa cultura a partir da crise do setor sucroenergético.

Isso mostra a diversificação, não a substituição da cultura da cana, que continua tendo importância fundamental para o Estado.

Assista no link a seguir a reportagem completa:  Cana começa a dividir espaço com outras culturas em Alagoas

Com GloboRural

Nenhum comentário: