Rádio Web MJ

sexta-feira, 26 de abril de 2013

Quedas na arrecadação faz com que Prefeitura de Campo Alegre adote medidas para continuar avançando

Uma das medidas adotadas foi à diminuição no quadro de prestadores de serviços

Os primeiros quatro meses da gestão da prefeita Pauline Pereira em Campo Alegre, vem registrando diversos avanços em várias áreas do município. Avanços no social e na realização de várias obras como a inauguração de novas escolas, maior oferta de vagas nas escolas da rede pública de ensino, a pavimentação do Povoado Chã da Imbira, a reabertura do Laboratório de exames do Hospital, a aquisição de uma nova frota de veículos para o município, dentre outros avanços no social e em outras áreas.

Para oferecer melhorias para a população, o município vem mantendo com recursos próprios as novas creches em funcionamento, pois ainda sem a disponibilização de recursos federais, a maioria dos serviços de saúde como o aumento das equipes de PSFs, além de serviços emergenciais como as melhorias no abastecimento de água, transporte dos estudantes e a operação tapa buracos, ações estas todas realizadas com recursos do município.

Recentemente a Prefeitura de Campo Alegre também adquiriu alguns terrenos para pleitear projetos federais para a realização de obras no município. Veja abaixo os terrenos adquiridos com recursos próprios.

Terreno na Rua do Sol em Luziapolis 20x36 - Pleitear construção de um PSF.
Terreno no Conjunto Sebastião de Oliveira Gomes – Pleitear Posto de Saúde + Casa de sopa + Lavanderia comunitária.
Terreno em Luziapolis (568m²)- Rua Fernando Coutinho - Pleitear PSF + Núcleo de Apoio a Família.
Terreno em Luziapolis (40x100) para a construção do novo Cemitério.
Terreno 80x60 no Loteamento Campo Verde 2 – Para Pleitear a construção de uma Escola no Conjunto Olival Tenório + PSF.
Terreno 30x107 no Povoado Pimenteira – Para a construção de uma quadra de Esportes + PSF.

Além da aquisição dos terrenos, a Prefeitura Municipal ainda tem as despesas de custeio da elaboração dos projetos que todas as obras federais exigem, estes projetos que também estão sendo custeados com recursos próprios do município, além das contrapartidas do município em todas as obras.

Mas paralelo a esses avanços a administração vem enfrentando várias dificuldades por conta das constantes quedas de arrecadação do município. Como se não bastasse às baixas nos repasses do FPM que tem ocorrido quedas, a atual gestão ainda vem arcando com dívidas de gestões anteriores, fato que diminui ainda mais os recursos do município. Recentemente a administração teve que pagar elevadas as taxas necessárias para limpar o nome do município no CAUC, e junto a Eletrobrás, firmou parcelamento para o município sair do CADIM, parcelou a dívida negociando junto ao INSS e FGTS, para que o município esteja apto a receber recursos de programas federais para continuar avançando.

 “O nosso principal compromisso é com o desenvolvimento do município. Temos que melhorar a qualidade de vida de todos os cidadãos. Além de honrar o obrigatório pagamento aos nossos valorosos funcionários que é uma obrigação de qualquer gestor em reconhecimento e valorização aos servidores que tanto se empenham com a administração municipal, e continuar a oferecer um serviço de qualidade na saúde, educação e nas demais áreas”, disse a prefeita, que apesar das dificuldades vem mantendo o governo de forma sólida” salientou a prefeita.

“Lamento em ter que diminuir o número de prestadores de serviços em nosso governo. Sabemos que nossa cidade não tem ainda muita oferta de emprego, mas com o desenvolvimento a oferta o melhorará muito. Por isso medidas como essa embora impacte o trabalhador dispensado, mas é uma medida para que continuemos a avançar, pois recentemente adquirimos vários terrenos para pleitear novas realizações para o município, e ainda temos que arcar com os projetos e as contrapartidas dos convênios com o Governo Federal, por isso se faz necessário algumas medidas para que em um futuro próximo tenhamos ainda mais orgulho de nossa cidade”, completou a prefeita.

Caros leitores, apesar das quedas na arrecadação somos testemunhas que o nosso município continua avançando, no sentido de oferecer uma melhor qualidade de vida para todos nós, que já somos testemunhas do desenvolvimento de Campo Alegre.

Nenhum comentário: