Rádio Web MJ

segunda-feira, 31 de março de 2014

Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente apóia e dá suporte técnico para a construção de uma ONG em Luziápolis

Após os resultados dos esforços conjuntos, obtidos através de alguns representantes da Sociedade Civil, do empenho da Câmara de Vereadores e empresários locais, sob o apoio e a orientação técnica da Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente, aconteceu neste último domingo 30 de março, em Luziápolis, uma importante reunião com a finalidade de organizar e consolidar os mecanismos que viabilizem a construção da ONG - CASA DE APOIO ANIMAL DE LUZIÁPOLIS (CAAL), que lutará em prol dos animais errantes do nosso município.

O evento contou, dentre outras, com as presenças do Vereador José Ednaldo Moura (Testão), com os voluntários Maria Quitéria Marinho, Rosângela Barbosa e Lorenildo Paixão, e com a presença do técnico Luiz Lorhans que, dias antes, visitou a ONG existente na cidade de Feira Grande, e de lá trouxe expressivas sugestões que irão impulsionar ainda mais o projeto que abrigará os animais que hoje infestam as ruas da cidade, sítios e povoados causando, na maioria das vezes, transtornos aos transeuntes e logistas, além, é claro, do sério risco de transmissão de doenças como a Leishimaniose (Calazar), a Raiva e a leptospirose, transmitidas ao homem através do contato direto, mordidas e/ou da picada do carrapato estrela e do mosquito lutzomya.

De maneira equivocada e passível de punição, grupos ainda não identificados estão agindo por conta própria, capturando e maltratando esses animais chegando, inclusive, a atacá-los com ferramentas perfurocortantes. Esse ato de covardia e insensatez reforça de maneira colossal os interesses de todos os membros envolvidos na construção da ONG, a fim de que Campo Alegre não se torne conhecida pelos excessos cometidos contra os seres indefesos como cães e gatos, muitas vezes largados a própria sorte quando seus donos decidem ir embora para outras cidades ou estados, ou simplesmente os considera velhos demais para serem mantidos dentro casa.

Após a reunião, o grupo visitou o terreno doado pelo Vereador Testão que, além de demonstrar boa vontade em ajudar a nobre causa, compreende de muito perto a extrema necessidade de realizar algo dessa monta não só em defesa dos animais mas, sobretudo, em defesa da saúde e do bem estar de todos os cidadãos e cidadãs de Campo Alegre.
Cães vadios pelas ruas da cidade

Nenhum comentário: